20 de julho de 2024

Big band toca “Relatos Suburbanos” no dia 25 de novembro

Mesclando ritmos brasileiros, jazz e música erudita, Banda Urbana encerra turnê do novo CD com show gratuito em Campinas
Big band toca “Relatos Suburbanos” no dia 25 de novembro, às 17h, na Concha Acústica do Taquaral
Banda Urbana em apresentação no Jazz nos Fundos, em São Paulo. Foto: Erika Mayumi
Propagando a música instrumental pelo Brasil e o mundo há 12 anos, a Banda Urbana vem retomando suas raízes com o novo trabalho – o CD “Relatos Suburbanos” – que reflete a sonoridade da música das bandas de coreto integrada à diversidade de gêneros para os quais a música se abre. A turnê de exibição do repertório começou em agosto, embalando os públicos de Leme, Socorro e São Paulo; para fechar as apresentações com chave de ouro, a big band encerra a turnê no próximo dia 25 de novembro, com show gratuito na Concha Acústica do Taquaral, em Campinas.
“Esse é um CD que espelha bem a história da banda. Nesses mais de dez anos, a gente meio que correu – e ainda corre – na contramão da música proposta pela grande mídia, mas sempre com grande aceitação. Neste trabalho trouxemos um repertório que harmoniza a estética da música erudita com a popular brasileira de raiz, passando pelo jazz e outros gêneros”, explica o trompetista João Lenhari.
Durante a turnê, o grupo – que tem outros dois CDs gravados – promoveu encontros com grandes instrumentistas: Proveta (clarinetista e líder da Banda Mantiqueira) esteve no show de Leme e Toninho Ferraguti (acordeonista de renome internacional) participou da apresentação em São Paulo. Além de serem duas das principais referências de formação da banda, ambos também saíram do interior para brilhar mundo afora. “Voltar às origens e tê-los participando deste trabalho foi muito importante e gratificante para nós. Na verdade, a turnê em si acabou se tornando uma grande homenagem, para nós, para eles e para o público que vai receber ou já recebeu os shows”, comenta Lenhari.
Inspirado na diversidade de ritmos brasileiros, no jazz e na música erudita, o disco revela um repertório autoral de qualidade, com composições de Lenhari, Rui Barossi (baixo) e Raphael Ferreira (saxofone). E para além de seu significado sonoro, o lançamento torna-se ainda mais especial justamente pelo retorno ao berço da banda. “Estamos muito felizes por tudo o que cercou essa turnê, as participações especiais e de peso, a circulação pelo interior e o retorno à Campinas, onde tudo começou. Nada melhor do encerrar a turnê em casa”, complementa o músico.
Com a expectativa de seguir difundindo e levando o jazz ao conhecimento popular, antes da apresentação o público poderá participar de um bate-papo com a banda. “Além de ser uma oportunidade bacana para saber um pouco mais sobre a nossa história, como tudo começou e o que segue nos motivando a trabalhar com música, vamos falar um pouco sobre as técnicas de escrita, repertório e instrumentais”, finaliza Lenhari.
Relatos Suburbanos é um projeto realizado pelo Governo do Estado de São Paulo por meio da Secretaria de Cultura e em conjunto com a Numen Produtora através do edital ProAC nº. 21/2017, que selecionou dez projetos de gravação de álbum inédito e apresentação de espetáculos de música popular instrumental.
SERVIÇO
Banda Urbana toca “Relatos Suburbanos” em CAMPINAS
Quando: Domingo, 25 de novembro, às 17h
Onde: CONCHA ACÚSTICA – Av. Dr. Heitor Penteado, s/nº, Taquaral, Campinas/SP
Evento gratuito

Raphaela Vitiello

INFLUENCER E JORNALISTA

Raphaela Vitiello é uma jornalista, com 24 anos de idade e formação em jornalismo pela renomada PUC. Sua trajetória profissional é marcada por experiências enriquecedoras em diversos meios de comunicação, onde pôde aprimorar suas habilidades e conhecimentos desde o início de sua carreira quando começou as exercitar a profissão aos 13 anos. Atualmente, Raphaela Vitiello integra a equipe da VTV, uma afiliada do SBT em Campinas e com sua paixão pela comunicação e dedicação ao seu ofício, continua a se destacar como uma profissional promissora e comprometida em informar e inspirar o público, deixando sua marca no cenário jornalístico regional.