21 de julho de 2024

Mais uma captação de órgãos acontece no HAOC

Esta é a quarta doação de 2024; fígado e rins foram os órgãos doados

No dia 9 de maio, aconteceu no Hospital Augusto de Oliveira Camargo (HAOC) mais uma captação de órgãos, a quarta de 2024. Foram doados rins e fígado, destinados a pacientes em espera por transplantes. O procedimento foi realizado pela equipe do hospital das clínicas da Unicamp, e só foi possível após a realização de rigorosos protocolos que atestam a morte encefálica.

Cumprida esta etapa, a Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT) do HAOC estabelece contato com os familiares do paciente, e realiza esclarecimentos sobre a oportunidade de doar órgãos e tecidos, entre outras atribuições. Conforme a legislação vigente, a decisão final sobre a doação de órgãos de um familiar falecido cabe à família, independentemente da informação de doador ou não doador registrada no documento de identidade.

Após a captação, os órgãos são direcionados aos pacientes que estão na lista única de espera, gerenciada pela Central de Transplantes da Secretaria de Saúde de cada Estado e supervisionada pelo Ministério da Saúde.

O transplante é um procedimento cirúrgico crucial para pacientes com doenças crônicas ou em estágio avançado, oferecendo-lhes a possibilidade de uma vida mais saudável e prolongada. Durante o procedimento, um órgão ou tecido saudável de um doador (vivo ou falecido) é transplantado para uma pessoa doente, chamada de receptor.

Raphaela Vitiello

INFLUENCER E JORNALISTA

Raphaela Vitiello é uma jornalista, com 24 anos de idade e formação em jornalismo pela renomada PUC. Sua trajetória profissional é marcada por experiências enriquecedoras em diversos meios de comunicação, onde pôde aprimorar suas habilidades e conhecimentos desde o início de sua carreira quando começou as exercitar a profissão aos 13 anos. Atualmente, Raphaela Vitiello integra a equipe da VTV, uma afiliada do SBT em Campinas e com sua paixão pela comunicação e dedicação ao seu ofício, continua a se destacar como uma profissional promissora e comprometida em informar e inspirar o público, deixando sua marca no cenário jornalístico regional.